segunda-feira, 11 de julho de 2011

O tal do amor existe?

              
             ooi, amores vim aqui para fazer um pedido a vocês, :X É que estou participando de um concurso, e queria pedir que vocês votassem na minha história .-. Vocês fariam isso por mim? *--* Vou colocar aqui um trecho da história.

“É comum que no mundo tão realista em que vivemos as pessoas costumem dizer que não acreditam no amor a primeira, ou que simplesmente nunca se apaixonaram. Posso dizer que em parte isso é verdade, como as pessoas vão se apaixonar ou acreditar no amor, se estão preocupadas demais em como conseguir dinheiro para comprar uma Ferrari, preocupadas em como o seu cabelo está feio hoje, preocupadas com as várias dívidas, preocupadas com o que os outros pensam, preocupadas em ter e não sentir... Não as culpo por isso, principalmente porque vivemos em um mundo excepcionalmente capitalista, mas nesse mundo tão subitamente condenado, tinha necessariamente que nascer alguém tão ridiculamente apegada aos sentimentos? E esse alguém tinha que ser logo eu?
Como dizia Charles Chaplin “Para que levar a vida tão a sério, se a vida é uma alucinante aventura da qual jamais sairemos vivos.” Quer dizer então, que é bizarro da minha parte acreditar no tal Príncipe, no cavalo branco, no beijo que desperta do sono profundo, no sapatinho de cristal...”


Agradeço antecipadamente,
Beeijos, Iasmim L. ^^

Um comentário:

  1. Pois eu acredito no amor a primeira vista, já passei por isso. Porém acredito que amor só eterno enquanto dura.

    ResponderExcluir